capa-revista-valente
Ilustração da capa da 5ª Edição da Revista Valente. Arte de Duda Nas.

5ª edição da Revista Valente tem olhar interseccional sobre gênero, raça e classe

Postado em 07/12/2020, 15:48

A edição online tem versão em áudio acessível a deficientes visuais

Na próxima quinta-feira (10), Dia Internacional dos Direitos Humanos, o Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Poder Judiciário do Estado de Santa Catarina (SINJUSC) lança a 5ª edição da Revista Valente, com uma live no canal do Youtube e do Facebook, às 19h30.

A Revista, que era impressa e tinha duas edições por ano, neste ano terá somente uma edição e será disponibilizada somente online, devido ao contexto de pandemia. Seguindo as temáticas propostas pela publicação, esta edição contém uma entrevista com a professora, mestra e militante histórica Jeruse Romão, uma reportagem especial sobre a sobrecarga imposta pelo home office às mulheres servidoras do judiciário catarinense, além de vários textos de colaboradoras da categoria.

A publicação conta ainda com o Glossário Feminista, parceria com o Portal Catarinas, que, nesta edição, será dedicado a verbetes relacionados ao feminismo negro e aos movimentos de mulheres negras.

Além disso, a 5ª edição é totalmente acessível às pessoas com deficiência visual, pois tem todo o seu conteúdo gravado em áudio.

“Esta edição tem uma pegada bem legal de inclusão. Ela foi pensada para ter essa temática em uma perspectiva interseccional. A capa ilustra uma mulher negra; a entrevista é com a Jeruse Romão, que também converge para o tema; a reportagem especial aborda a sobrecarga das mulheres no home office, os cuidados da casa, cuidados com os filhos devido às escolas fechadas, sem lugar adequado para trabalhar. Nesta reportagem, uma das fontes foi uma psicóloga que é travesti. Nos artigos, algumas das autoras são mulheres negras. As ilustrações também foram feitas por uma mulher negra, a Duda Nas, além do áudio da revista, que foi totalmente gravado por uma das jornalistas da nossa equipe, a Fábia Carolina Hafermann, que é uma mulher negra também”, explica Alana Pastorini, jornalista do SINJUSC e responsável pela edição da Revista.

De acordo com Alana, a temática da revista também é resultado de conversas e debates feitos dentro do Coletivo Valente – um coletivo de mulheres do judiciário catarinense -, que vem tratando da temática há bastante tempo. Além disso, para ela, a formação do Coletivo de Negras e Negros do Judiciário Catarinense, neste ano, veio para somar e agregar ainda mais no debate sobre direitos, emancipação e luta antirracista que o Coletivo Valente já vinha fazendo.

“Em todas as edições a gente tem tentado interseccionalizar as questões e, neste contexto de pandemia, recessão, retirada de direitos e retrocessos, quem mais sofre são as mulheres negras e periféricas. Então, essa temática foi pensada pra trazer essa reflexão e lançar uma luz pra que a gente continue debatendo sobre isso durante o ano inteiro”, comenta.

O lançamento da 5ª Edição da Revista contará com a participação do Coletivo de Negras e Negros do Judiciário de Santa Catarina, do Portal Catarinas e apresentação musical da cantora Dandara Manoela.

A Revista estará disponível gratuitamente no site do SINJUSC.

SERVIÇO:
Lançamento Virtual da 5ª Edição da Revista Valente
Quando: 10 de dezembro de 2020 às 19h
Onde: Canal do Youtube ou na Fanpage do SINJUSC no Facebook.

Tags: ,



Portal de jornalismo especializado em gênero, feminismos e direitos humanos.
Veja a coluna da Portal Catarinas