Jornalista, escreve no Blog da Fêre há oito anos, espaço criado para publicação de seus escritos e divulgação da música brasileira. Fêre tem algumas parcerias musicais com músicos de Floripa e Sampa e é colunista na revista digital Itinerário Imprevisto. Cotidiano Horizonte é seu primeiro livro publicado.



Cheia

Dormiu encolhida dando as costas pra lua, depois de tanto encararem-se, ela e a lua a cabeça a {+}

Tanque

Foi esfregar as anáguas outra vez. Maria nem sabia porque com ela o pai ficava tão irritado. {+}

Nariz vermelho

Do geral do mundo sabemos, sabemos bem, não recebemos o afago sincero de pessoa quase alguma. E {+}

Madalena

Eu não deveria te dizer, Madalena, mas não vai ter outra vez igual. Amanhãs? Não, Madalena. {+}

Saia

E aquele teu vestido tão comprido, tão comprido dele te lembra? ia arrastando ia passando quase {+}

Mulher

olhos abaixe opinião renuncie pernas feche impulso trave bunda empine raiva evite peito aumente {+}