Beatriz Lago e Gabriela Giannini são fundadoras da Basuras, uma coletiva latinoamericana que produz conteúdos elaborados a partir de uma perspectiva feminista e anticapitalista de assuntos diversos como meio ambiente, política, corpas dissidentes, autonomia popular, direitos humanos, entre outros. A coletiva nasceu no Brasil, durante as eleições presidenciais de 2018, com campanhas informativas nas ruas sobre política e combate a fake news. Desde então, desenvolvemos materiais como zines, lambes, informativos, audiovisuais, oficinas e intervenções urbanas. A equipe não é fixa e varia conforme os projetos.



Agro é tóxico!

No solo, no ar e nas águas os agrotóxicos são nocivos para todos os seres e plantas. Nesta {+}