Imagem: Zanele Muholi / reprodução Blogueiras Negras

Coluna da Cristiane Mare

Das dores e da calma

Postado em 02/11/2016, 12:20

Sou uma Mulher,
Trago sinais do tempo
Marcas da vida,
Que se estabelecem
como cimento calcificado

Há o que se pode ver
e compartilhar
Entretanto, a vida que se esconde na alma
das dores e da calma
Essas, são unicamente minhas
e só a mim, perceptíveis

Não pretendo negociar,
tampouco submetê-las
Ao crivo dos seus olhos
e daqueles, que nada sabem
De ser mulher negra,
Nesse mundo branco..




Conselheira do Portal Catarinas, é mestra pela PUC/SP em História Social, atua como pesquisadora associada no Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros da UDESC e no grupo de estudos Cecafro da PUC/SP. É secretária de mulheres da União de Negras e Negros pela Igualdade (UNEGRO) e integrante do Coletivo de mulheres negras Pretas em Desterro.
Veja a coluna da Cristiane Mare