Coluna da Clarissa Peixoto

Anita Garibaldi: fantástica personagem da história brasileira

Postado em 04/08/2016, 14:41

Inquieta e contestadora. Anita Garibaldi é, sem dúvida, uma das mais fantásticas personagens da história brasileira.

Nascida na lendária Laguna, cidade do litoral sul de Santa Catarina, Anita é lembrada pela postura audaciosa e pelos enredos fabulosos dos episódios que marcaram sua trajetória.

A jovem e impetuosa Ana se transforma em Anita quando encontra Giuseppe Garibaldi, com quem combate, lado ao lado, junto as tropas farrapas na recém proclamada República Catarinense. Até os seus últimos dias, Anita foi fiel aos seus ideais e sentimentos, cruzando o oceano em busca de justiça e liberdade, transformando-se na Heroína de Dois Mundos.

Sua vida é composta por passagens de intensa dramaticidade. Ela foi valente ao combater na Batalha Naval de Laguna, quando transportou armamentos a bordo de uma pequena embarcação, durante uma noite violenta, em meio ao fogo cruzado. A mesma Anita, também é protagonista de uma fuga prodigiosa, quando conseguiu escapar das Forças Imperiais, a cavalo, com o filho de apenas doze dias nos braços.

O mês de agosto, curiosamente, marca o início e o fim da vida dessa mulher, tão a frente de seu tempo. Anita morreu em 4 de agosto de 1849, aos 27 anos, na cidade de Mandriole, na Itália. Em 30 de agosto, comemora-se o aniversário de nascimento dessa importante brasileira. Desde 2012, seu nome figura no livro de Heróis/Heroínas da Pátria, inscrito no Panteão da Liberdade e da Democracia, em Brasília. Junto com a enfermeira Anna Nery, são as únicas mulheres a compor o conjunto de heróis/heroínas brasileirxs.