A advogada Michelle Suárez, primeira transexual da história do Uruguai a ter um cargo no Poder Legislativo | Foto: Rádio Uruguai

Uma trans no senado uruguaio

Postado em 11/10/2017, 17:49

O senado uruguaio deu posse esta semana à advogada Michelle Suárez, primeira transexual a ter um cargo no Poder Legislativo no país. A conquista é pauta do programa semanal Nunca en Domingo, produzido pelo coletivo uruguaio Cotidiano Mujer e retransmitido pelo portal de mídia independente Catarinas.

Assim como ninguém nasce mulher, também não se nasce machista, por que o machismo também é construção social. Mas as mulheres não são responsáveis por reeducar os homens, como afirma a escritora Cecilia Winterfox. A mudança somente acontecerá quando os homens assumirem que a educação é sua própria responsabilidade. O programa debate a tese desenvolvida por Winterfox no livro “Não nascemos machistas” (tradução livre).

A campanha de marketing da marca Dove acusada de racismo, a ampliação legal dos direitos reprodutivos das bolivianas e o assassinato de jornalistas no México – a maioria, mulher – também são assuntos da 67ª edição de Nunca en Domingo.  Também nesta edição, a atriz uruguaia Ana Pañella indica o filme “Uma paixão tranquila”, de Terence Davies, que retrata a história da poeta estadunidente Emily Dickinson. A trilha é a música “Livres e estúpidos”, da chilena Camila Moreno. Veja o clipe.

Nunca en domingo é produzido e apresentado pelas uruguaias Elena Fonseca e Helena Suarez e também é retransmitido no Chile, México e Argentina. Clique e ouça!