Inventando o sexo – corpo e gênero dos gregos a Freud

Postado em 16/01/2017, 10:59

Esta obra aborda a formulação de que as relações sociais de sexos não são a-históricas, dado este que rompe com qualquer perspectiva naturalista ou biologizante. Analisando os discursos sobre o corpo, a fisiologia reprodutiva e as relações entre os sexos, Thomas Laqueur procura demonstrar como as diferentes formas de se pensar a diferença entre os sexos, de Aristóteles à Freud, pouco tiveram a ver com os progressos da ciência.

Ano:  2001 | Nº de Páginas:  374